GN-z11 é a galáxia mais distante do Universo



Conheça GN-z11, a galáxia mais distante da Via Láctea conhecida até agora. Esta pequena galáxia é o objeto mais longínquo e mais antigo já observado pela raça humana até o momento.

Essa foto histórica da NASA foi conseguida graças a combinação de dados do Spitzer e do poderoso telescópio espacial Hubble. O Hubble é um dos instrumentos mais potentes para observar o Universo e galáxias distantes já produzidos pelo homem.


Localização


GN-z11 está localizada na direção da Constelação da Ursa Maior e sua luz demora 13,4 bilhões de anos para chegar à Terra, batendo o recorde e fazendo com que ela se torne o objeto mais longe de nossa Via Láctea já encontrado até agora.


Esta animação mostra o zoom feito pelo Hubble para localizar a galáxia GN-z11, a mais distante já descoberta até o momento.


GN-z11 foi formada nos primeiros momentos após o nascimento do Universo, apenas 400 milhões de anos após o Big Bang pra ser mais preciso. Essa pequena galáxia tem apenas 1% do tamanho da nossa Via Láctea.


Atualmente, ela pode ser considerada pequena, mas naquela época em que estavam nascendo as primeiras estrelas e galáxias. O Universo não contava com gigantes como a Via Láctea e Andrômeda que cresceram canibalizando dezenas de galáxias menores no decorrer de bilhões de anos.

Tudo indica que GN-z11 manterá o título de galáxia mais distante já encontrada até hoje por muito tempo e seu recorde só será batido quando o telescópio espacial James Webb começar a operar em 2018.
GN-z11 é a galáxia mais distante do Universo GN-z11 é a galáxia mais distante do Universo Reviewed by Mauro on setembro 05, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário


Contact Us